Lucas Azevedo

Apaixonado por experiência do cliente, varejo e produtos. Criei o Só Queria Ter Um para compartilhar minhas experiências com botas, raw denim e vintage!

Take Ivy: A moda Ivy League das Universidades Americanas

A Ivy League é um grupo de oito universidades de prestígio dos Estados Unidos: Harvard, Yale, Princeton, Brown, Columbia, Pennsylvania, Cornell e Dartmouth. O originalmente se referia à liga esportiva formada por essas universidades, e vem da hera que cobre vários prédios dessas instituições.

Nos últimos anos da década de 1950, o estilo de se vestir dos alunos começou a chamar a atenção e influenciar a sociedade americana em geral e também outros países. Em 1965, no Japão, foi lançado o livro “Take Ivy”. O livro é o resultado de uma viagem de quatro japoneses aos campus dessas universidades. Interessados em registrar e tirar fotos do estilo de vida dos estudantes, fizeram o que seria o registro definitivo do estilo.

As fotos retratam cenas do cotidiano em universidades como Harvard e Princeton em uma época de grandes mudanças, nos que seriam os últimos anos desse estilo clássico.

O estilo durão de Clint Eastwood

Clint Eastwood completou 90 anos ainda na ativa, com uma carreira invejável e versátil. Nenhum outro astro de Hollywood iguala os feitos do ator e diretor, que para muitos, é último “grande clássico” do cinema. O tipo durão dos faroestes, que se reinventou anos depois como explorador dos sentimentos mais intensos, continua trabalhando em ritmo incansável para a celebrar sua vida e sua paixão pelo cinema em plena forma. Qual é o segredo?

Paul Simonon: O Estilo Punk do baixista do The Clash

A capa do disco London Calling (o disco de Vinil é um que ainda terei na minha coleção) é uma das mais icônicas na história do rock. Na foto em preto e branco, Paul Simonon, o baixista do The Clash, aparece quebrando o seu instrumento. A imagem agressiva define o estilo punk do qual o The Clash é um dos maiores representantes, tanto pela música quanto pela maneira de vestir.

As roupas são muito importantes para a imagem de uma banda. Neste quesito, são os vocalistas que costumam estar em evidência e chamar mais atenção. Os baixistas, por outro lado, normalmente ficam escondidos no palmo, aos fundos fazendo a ponte entre a guitarra e a bateria. No The Clash as coisas eram um pouco diferentes, já que Paul Simonon era a força criativa por trás da estética da banda.

Foi o baixista que teve a ideia de criar um “look” para a banda, misturando com facilidade várias referências ao longo da carreira dos músicos. O The Clash teve a fase de ternos bem cortados, sendo também famoso pelas botas militares, jaquetas biker, e por criar uma estética única que misturava arte e música.

A seguir, vamos conferir um pouco da história deste baixista icônico e como ele ajudou a moldar uma das maiores bandas punk de todos os tempos.

Desert Boots Masculina: Onde comprar e como usar este clássico?

A Desert Boot tem um visual muito discreto e versátil. É uma bota que compõe o visual masculino há anos, sendo a ponte perfeita entre diversos estilos. As suas principais características, são a sola de crepe e o cabedal de camurça com cano curto.

Esta bota tem uma história riquíssima: O modelo original foi desenvolvido na década de 1950 por uma marca inglesa chamada Clarks. A inspiração surgiu na Segunda Guerra Mundial, e décadas depois, ela continua em alta!

Ficou a fim de conhecer mais sobre a história da desert boot, saber como usar e onde pode comprar uma? Então chegou ao lugar certo! Neste post, você vai encontrar algumas dicas para acertar em cheio e algumas opções para adquirir a sua. Vamos conferir?

Von Dutch: O primeiro a customizar carros com a técnica do pinstriping

Eu nunca entendi muito bem a proposta da marca Von Dutch, e foi só recentemente que eu descobri sobre Kenny Howard, gênio autodidata pai do pinstripingo, verdadeiro dono deste nome. O livro Von Dutch: The Art, the Myth, the Legend conta alguns detalhes sobre a vida dele, que vamos ver de forma resumida aqui neste post!

O cara viveu muito antes dessa linha de roupas e acessórios, que ameaça destruir a credibilidade do seu nome, existir. Artista, mecânico e metalúrgico habilidoso, customizava veículos e fazia suas próprias facas e armas à mão. Von Dutch tinha uma forte aversão ao dinheiro, pois sentia que seria prejudicial para sua arte, tornando a existência de uma empresa que usa seu nome para vender todo tipo de produto, uma ironia do destino ainda maior.