Desert Boots: A história completa, ONDE comprar e COMO usar

desert boots bota clarks

desert boots masculin é um estilo de bota masculina de cano curto com solado de borracha crepe. Geralmente feitas de camurça, tem dois ilhoses e poucas costuras. Essas botas foram criadas nos anos 50 pela Clarks, inspirada por um modelo visto na Segunda Guerra Mundial. Décadas depois, continuam relevantes nos pés mais estilosos pelo mundo afora.

Dependendo da sua idade você vai lembrar da London Fog, que repente sumiu das lojas. É difícil acreditar. Como pode uma bota clássica como essa ser tão difícil de achar no Brasil? Apesar de nunca ter saído de moda mundo afora, ela sumiu das lojas brasileiras.

Você sabe porque?

Dizem que as fábricas pararam de fazer porque a sola de crepe não acabava nunca, acredita? Além de extremamente confortável, é muito durável graças ao seu solado de borracha natural.

Quem criou foi uma marca britânica chamada Clarks

Por sorte, as desert boots originais ainda são fabricadas pela Clarks, a mesma marca que a criou há mais de cinquenta anos atrás. Essas simples botas de camurça são tão marcantes o nome de batismo virou sinônimo universal para o produto, que nem gilete para lâmina de barbear.

Neste post eu vou explicar para os novatos o que é uma desert boots, vou contar a incrível história desta bota e compartilhar algumas dicas de como usar. Para finalizar, tem também uma lista de onde comprar!

O que é uma desert boot?

Quem inventou e lançou a desert boot foi uma marca inglesa chamada Clarks. Foram eles que inventaram o nome, mas faz tanto tempo e fez tanto sucesso que ele virou sinônimo de botas com os seguintes detalhes:

  • Cano médio. A desert boot tem o cano médio, na altura do tornozelo. Nem acima, nem abaixo.
  • 2 ilhoses. Tradicionalmente a desert boot tem apenas dois ilhoses. É pra ser arejada e rápida de calçar.
  • Cabedal de camurça. O material mais tradicional de uma desert boot é o couro camurça, mas hoje em dia você encontra outros materiais.
  • Sola de crepe. Indispensável. O solado tem que ser de crepe, uma borracha natural bem macia e durável.

Essas são as características que fazem de uma bota uma desert boot.

Desert Boots Clarks

Curtiu o visual?

A seguir, vou compartilhar a história incrível por trás de uma simples bota.

A História da Desert Boot

Meu primeiro contato com uma desert boot foi em 2007. Eu vi essa bota na vitrine de uma loja moderninha nos Estados Unidos. Gostei do visual e entrei. Experimentei e achei confortável. Levei para o caixa, e comprei.

Chegando em casa, eu recebi alguns olhares nostálgicos de pessoas um pouco mais velhas. Elas me disseram que a bota lembrava um calçado que foi sucesso no Brasil na década de 80, chamado London Fog.

Acredita que até hoje eu não vi uma dessas London Fogs originais? Se você tem uma, faça o favor de mandar uma foto!

Foi aí que eu percebi  um “algo a mais” por trás dessa bota que para mim era novidade. Enquanto escrevia esse texto parei para pensar, e foi a primeira vez que realmente pesquisei sobre um produto. Foi assim que descobri uma história incrível!

A desert boot é uma bota que quebrou barreiras geográficas e superou o passar dos anos. Ela segue forte década após década.

Sabe o que é isso?

É um grande exemplo do que deu realmente certo no passado, e continua dando certo até hoje. Os clássicos são clássicos por um motivo!

Olha só como tudo começou…

Inspiração militar 

Como muitas outras coisas na moda masculina, a origem da desert boot é utilitária. Ela nasceu em 1941 no exército britânico, em plena Segunda Guerra Mundial.

Nas horas de folga, um atento soldado do Oitavo Exército Britânico reparou que muitos oficiais trocavam os coturnos por botas de camurça compradas em um bazar local. Além de flexíveis e macias, essas botas tinham sola de crete, uma borracha natural que serve como isolante térmico e tem a aderência perfeita para terrenos áridos e quentes.

Mas como ela foi parar em uma fábrica na Inglaterra?

A desert boot foi parar numa fábrica de calçados na Inglaterra porque esse soldado, chamado Nathan Clark, estava no lugar certo na hora certa. 

Por coincidência, ele vinha de uma tradicional família de sapateiros e usou as poucas horas vagas para desenhar e cortar protótipos em papel de jornal. Esses desenhos eram enviados para o irmão na Inglaterra.

Clark estava certo de ter criado um clássico que traria muito dinheiro para a família. Mal sabia ele que seus parentes acharam a ideia mundo casual. Faltava refinamento, ou assim achavam.

O complicado lançamento da primeira Desert Boot

A Segunda Guerra acabou, e a hora de fazer botas chegou. A família Clark seguiu sem acreditar no projeto, mas Nathan não desistiu.

Assim que chegou na Inglaterra, ele deu aos sapateiros da fábrica a missão de tornar realidade a sua visão. Selecionou os melhores materiais e montou uma equipe longe dos olhos da família.

Ele finalmente completou a versão final da desert boot, em 1949:

  • O formato foi desenvolvido em cima de uma sandália Clarks que era muito popular na época.
  • A construção que ele escolheu foi a stitchdown, comum em outros estilos da Clarks.
  • Para diferenciar a bota, ele escolheu fazer essa construção com uma linha laranja.
  • Optou pela camurça bege, homenagem ao deserto. Isso foi bem ousado numa época em que a maioria dos sapatos masculinos eram de couro liso.

Mas protótipo feito não significa produto aprovado. Na hora de apresentar a bota dos sonhos para a diretoria, adivinha o que aconteceu?

Eles reprovaram.

Nathan Clark, o criador da Desert Boot

Mas calma, não acabou. Agora você vai ver como ele saiu dessa!

Onde os Ingleses erraram, os Americanos acertaram

Os Ingleses reprovaram a desert boot porque acharam muito despojada, longe da elegância britânica. Lá foi Nathan Clark para a Feira de Calçados de Chicago, nos Estados Unidos. Os yankees eram casuais, eles entenderiam…

Acertou em cheio! Olha… os americanos realmente entendem de botas! Não é a toa que eles tem algumas das melhores marcas de botas do mundo. O público americano ficou encantados com o visual. Acharam casual, ironicamente, comum “toque inglês” que tirou ela do comum.

A silhueta simples e o solado de crepe cativou as pessoas. Essa recepção calorosa confirmou o que o Nathan Clark já sabia: A Clarks Desert Boots, considerada um dos primeiros sapatos casuais, seria um sucesso absoluto.

Com o mercado americano de portas abertas, não teve como a Clarks negar o potencial da desert boot. O projeto foi finalmente aprovado, e a batalha vencida.

O resultado? A bota também foi sucesso no Reino Unido.

A Desert Boots na Moda Masculina

Suedeheads calçando clarks desert boots

Não demorou muito pra desert boot Clarks fazer sucesso no mercado. Ela chegou ao topo e não saiu mais. Marcou a moda masculina e calçou ícones culturais em várias épocas diferentes. Já se passaram quase 70 anos, mas essa simples bota de cano médio continua nos pés dos homens.

Nos anos 60 – Símbolo da revolução

desert boots quadrophenia mods

Nos anos 60 a desert boot teve um boom de popularidade graças aos movimentos contraculturais. Jovens ao redor do mundo adotaram o uniforme porque a casualidade não tinha nada a ver com a sofisticação era esperada da juventude nos anos 60.

Os Mods da Inglaterra usavam com seus ternos bem ajustados. Nos Estados Unidos, eram um dos calçados favoritos dos Beatniks. Em Paris, ela calçava os artistas e intelectuais.

A polêmica das desert boots na Jamaica

desert boots na jamaica

A febre chegou até a Jamaica na década de 70. Surpreendente!

Dennis Al Capone, uma lenda do reggae Jamaicano, chegou a cantar que “quem não usa Clarks não é nada”. Os jovens jamaicanos do movimento dancehall importavam a botas e a má fama do público chamou a atenção da polícia em Kingston.

Os policiais não entendiam como a garotada tinha dinheiro para importar botas e resolveram proibir a entrada de desert boots no país. Quem viajava para a Inglaterra voltava com a mala cheia para os amigos.

Nos anos 80 – Um bom remédio para a gasolina cara

Nos anos 80 o solado de crepe extremamente confortável voltou com tudo quando a crise do petróleo forçou as pessoas no Reino Unido a andarem mais a pé!

Anos 90 e 2000, desert nas passarelas

A simplicidade e o conforto dessa bota conquistou o público ao longo de todos esses anos. Depois de tanto sucesso entre gente cool, as deserts entraram no radar da moda. Ganharam espaço em editoriais, coleções de marcas conceituadas, colaborações hypadas e ganharam versões nos mais diversos materiais e cores.

A bota masculina simples que nasceu no deserto tornou-se uma lenda!

A pompa dos teddy boys,  o visual euro-chique dos beatniks, a exuberância dos anos 60, a arrogância preppy, a desert boot já foi símbolo de tudo.

Tá esperando o que? Nunca é tarde para fazer parte da tradição das desert boots.

Como Usar Desert Boot

Bota masculina estilosa e versátil. Não tem muito segredo. A desert boot combina com várias situações. Existem inúmeras maneiras de usar uma.

O design simples e o cabedal de camurça podem servir de contraste com a roupa e ditar o nível de formalidade. Um exemplo é nos pés de George Harrison na icônica capa do album Abbey Road pra deixar o terno mais casual, diferente das Chelsea Boots que ele usava no início dos Beatles. Outro exemplo é o Príncipe Harry, que combina com uma calça chino e blusa social para quebrar a sobriedade.

Como Usar Desert Boot

Como Usar Desert Boot

O mesmo vale para o oposto. Ou seja, se quer ficar mais elegante de calça jeans e uma camiseta básica, calce uma desert boot. É verdade! Não consigo pensar em nada que não combine.

A desert é uma bota neutra que dá para usar o ano todo.Ela vai com bermuda ou calça. Você pode calçar no trabalho, no happy hour, no passeio de domingo ou numa caminhada. Sempre com muito conforto, graças ao solado de crepe super macio. A camurça deixa ela bem despojada pra você se sentir bem a vontade.

Como Usar Desert Boot

Como Usar Desert Boot

As de cores neutras são coringas que combinam com tudo. Se a bota for marrom, preta, cinza, bege ou oliva ela vai ficar ótima com roupas azul, cinza, ou bege, por exemplo. Quando você quiser sair da mesmice, uma desert boot colorida garante muita personalidade para as combinações mais simples, como jeans e camiseta.

Como Usar Desert BootComo Usar Desert Boot

Detalhes fazem a diferença… Dobrar a barra da calça para mostrar o cano ou até mesmo uma meia colorida é uma ideia bacana.

 

Gostou das ideias? Segue o Instagram do blog para ver como uso a minha desert boots no dia-a-dia.

Faltou alguma coisa? Deixa um comentário explicando como você prefere calçar a sua.

Errei feio? Manda aí mais referências para gente atualizar juntos!

Onde Comprar Desert Boots?

Você pode encontrar Clarks Desert Boots com uma certa facilidade na internet.

As duas maiores lojas com entrega internacional são a Zappos e a Amazon. Essas duas lojas online tem muitas opções de modelos, além de serem lojas de botas confiáveis.

O único problema é elas cobram o valor dos impostos de importação antecipadamente. Ou seja, você paga praticamente o dobro do preço do produto na hora de fazer o check out.

Sempre existe o risco de ser taxado quando você compra online para entregar no Brasil, mas essas lojas maiores cobram antecipado para liberar o produto mais rápido e não terem problemas na alfândega. A vantagem é que vai chegar mais rápido porque espera menos tempo para ser liberado. A desvantagem é que você não tem a chance de comprar sem ser taxado.

Lojas menores não cobram o imposto no check out e nelas você tem a chance de pagar apenas o valor do produto, pois até onde eu sei a inspeção alfandegária é por amostragem.

Vale a pena comprar fora do Brasil e ser taxado?

Não importa onde você comprar, existe o risco de ser taxado na hora que a bota chegar no Brasil.

Se isso acontecer, a desert boot pode sair por mais de $200.

Na minha opinião esse é um preço absurdo para este tipo de produto.

O melhor a se fazer é comprar e pedir para a loja entregar no seu hotel ou no hotel de um amigo que estiver viajando. Se você for viajar, pode usar o buscador no site da Clarks para encontrar uma loja próxima.

Onde comprar Desert Boot no Brasil?

Eu até hoje nunca vi nada igual a uma desert boot no Brasil.

Sempre tem algo de errado no produto ou até mesmo botas com esse nome e nenhuma das características de uma desert boot. Por isso é tão frustrante procurar online por desert botos no Brasil.

De vez em quando a Zara e outras lojas de Fast Fashion oferecem modelos de botinas que podem ser um quebra galho razoável. Elas são diferentes, tanto na forma quanto no solado, mas enganam.

Várias marcas nacionais tem modelos de “desert boots”. Geralmente elas aparecem como “chukkas” e pode ser que você encontre uma com o cabedal parecido mas sem a sola de crepe.

A Desert Boot tem forma grande?

A da Clarks tem a forma ligeiramente grande. Eu comprei o meu número de All Star, meio ponto menor do que a do meu tênis Nike.

É difícil eu falar de forma grande por que quase todas as botas eu acabo comprando numerações menores do que usava de tênis. O tamanho “bota” já virou o meu normal.

Na hora de comprar eu recomendo diminuir meio número. Lembrando que a bota é inglesa e por isso a numeração quase sempre é UK. Fique atento na hora de comprar para saber se o site é americano ou europeu.

Powered by Rock Convert

9 comentários em “Desert Boots: A história completa, ONDE comprar e COMO usar”

  1. Olá! Eu comprei um desert boots em um site da Clarks da Espanha http://www.clarks.es/p/00111763 , gostaria que você me desse umas dicas sobre o tamanho ideal para o ajuste perfeito pois tenho muitas duvidas sobre qual o tamanho correto. Por exemplo, meu numero no Brasil é 39, no caso creio eu que teria que pedir dois números a mais sendo entäo 41 o número europeu, tenho dúvidas porque tenho alguns calçados com numeraçäo 40, como uma bota Levi’s, outros com numeraçäo 41 como os tênis por exemplo. Aguardo sua resposta

    1. Alex, qual tênis?

      Você vai estar na Espanha? Viu que o site tem devoluçãongratuita?

      Da para você comprar os dois tamanhos e devolver o que ficar ruim.

      Meu vans é 11.5 e minha Clarks 11 (tamanho EUA). Chegando em casa eu olho se tem a numeração Europeia escrita.

      1. Näo vou estar na Espanha! Irei recebe-lo por encomenda de um amigo que irá receber e me enviar. Voltando a falar no assunto do tamanho das Clarks desert boots, acima na minha pergunta anterior eu fiz uma comparaçäo entre os tamanhos Brasil que no meu caso é 39 e o europeu que seria 2 números a mais no caso 41 comparando uma bota Levis’s chukka suede que tenho. Como Clarks seja um sapato inglês, fiz uma comparaçäo baseada no guia de medidas UK reino unido q no meu caso o normal seria nº 7, agora estou em duvidas se eu deveria ter pedido nº UK 6.5 meio número a menos como já ouvi algumas pessoas dizerem que esses sapatos costumam ser um pouco maiores. A compra já foi feita, dois pares, se você puder me dar alguma dica, olhando o guia de tamanhos. Obrigado!

        1. Acho que vai dar certo.

          Se ficar um pouco grande você pode comprar uma palmilha pra subir o pé.

          Elas costumam ser meio número maior, mas se você disse que Levi’s é menor do que seus outros tênis então que tá beleza!

          Essas conversões derretem a cabeça mesmo. Eu também fico sempre na dúvida.

  2. Boa noite, comprei um par de Botas Clarks Originals Desert no tamanho 8 US, que corresponde ao 39 aqui. Comprei um número menor, pois uso 40. Queria saber se pode dar certo, apesar de ser meio tarde pra perguntar.

    Obrigado!

  3. Avatar
    Roberto Rocha

    Esse post é relativamente antigo, mas aqui vai uma dica; no Brasil existe uma empresa em Franca – SP que fabrica alguns modelos de desert boots, eu comprei uma com eles e fiquei extremamente surpreendido com a qualidade do material, acabamento e etc. Eles usam solado em crepe, couro natural no cabedal, até na entre sola eles usam couro, eu recomendo. O nome da marca é London Style.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *