0
Só Queria Ter Um – Botas, Jeans, Classicos e Workwear
Calçados

Raio X: Botas Lace To Toe – O que É e Onde Comprar Este Classico do Workwear

Um clássico do workwear que não teve tanta exposição, mesmo nos auges da onda heritage, quanto outros estilos de bota. As botas de trabalho com amarração lace to toe são pesadas, fortes, e firmes, excelentes para quem curte uma boa bota. A amarração é diferente e foge do comum, assim como detalhes com o salto inclinado e a franja que escapole por baixo de alguns cadarços. Definitivamente não são botas que muita gente tem, mas deveria!

O Que São Lace To Toe Boots?

Para ser exato, “lace-to-toe” é uma característica encontrada em vários estilos de bota. A tradução literal é bem auto explicativa, significa “cadarço até o dedo”. Ou seja, a amarração dos cadarços em botas lace-to-toe chega quase até o bico, atingindo os dedos. Essa amarração permite um ajuste firme por toda a extensão do cabedal, deixando a bota justa e segura no pé. Existem basicamente dois cortes: um que é reto nas laterais onde as abas para amarração dos cadarços descem até o início da sola, e a outra que tem corte arredondado, onde a amarração vai até a frente da bota mas não descem em direção a sola.

Você quase sempre encontra uma opção de bota para atividades exigentes com este tipo de amarração. As marcas de bota para trabalho tem modelos desenvolvidos especialmente para atividades que requerem alta performance, como botas “Smoke Jumpers” para bombeiros e “Highliners” para arvorismo. As marcas e linhas casuais também fazem se inspiram em profissões exigentes, batizando as botas com nomes como “Lineman”, “Roofer”, “Bridgeman”, “Logger” e “Hiker, sempre referenciando atividades que demandam proteção e segurança. Essas botas costumam ter costuras fortes e mais de uma camada de couro no calcanhar e nas laterais, para reforçar a proteção.

Eu preciso falar de outro detalhe, que não é encontrado em todas as botas, mas que aparece bastante nas botas com amarração lace-to-toe, uma espécie de franja recordada saindo para fora dos cadarços. Dependendo do ângulo, é como se a bota estivesse de saia. Essa franja nada mais é do que uma língua removível, presa ao cadarço na altura do último ilhós. A função dessa tira extra é proteger a língua do desgaste e principalmente acrescentar uma camada entre o cadarço e a pessoa, acolchoando os pés e a canela enquanto ela se move. É um complemento tradicional, digamos que desnecessário na maioria das vezes, mas que muitos consideram o epítome das botas estilo logger.

Onde Encontrar Lace To Toe Boots

Onde você encontra botas assim. Essas são as minhas favoritas.

Brian The Bootmaker

Vou começar pelo topo da cadeia alimentar. Eu só conheço duas marcas no mercado que fazem botas estilo worker palmilhadas à mão, e uma delas é a Roleclub do Brian the Bootmaker. A principal característica das botas que ele faz, além da construção manual, é o belo solado personalizado. A sola é composta de uma sola de couro e uma meia sola de borracha, com salto de couro e borracha. A costura branca e os pinos de latão que fixam a meia sola mostram o alto nível do trabalho. As botas do Brian são totalmente inspiradas pela estética do passado, principalmente dos anos 40. Elas geralmente tem um salto logger bem alto mas nesse caso ele usou um salto reto, fazendo da sua lace to toe um produto mais versátil. Uma bela bota com proporções impecáveis!

Clinch

bota clinch lineman

A outra marca que palmilha as botas à mão é a Japonesa Clinch. Elas também tem a silhueta vintage mas na minha opinião tem um toque mais refinado, talvez pelo couro pintado à mão e também por causa da forma mais estreita. A Clinch tem algumas botas para pronta entrega, em lojas como a Pancho & Lefty, mas o foco são as botas por encomenda. O modelo lace to toe dessa marca se chama Lineman, em homenagem aos eletricistas. Parece que na década de 40 e 50 esse estilo de bota era bem popular na profissão, justamente pela firmeza da amarração, importante para quem precisa escalar.

John Lofgren

john lofgren donkey puncher boots

John Lofgren também tem um belíssimo modelo lace to toe que é uma combinação das duas botas acima. Ela tem a cara robusta da primeira bota, mas se baseia nos classicos com curvas na lateral, assim como a segunda. John Lofgren é uma marca especializada em reproduções de classicos do workwear, uma das mais respeitadas nesse nicho. A Donkey Puncher é uma bota estilo logger, com direito ao saldo inclinado e a língua falsa. O produto é feito no Japão com couro da americana Horween, solado direto da fábrica Vibram USA, vira de couro da Inglaterra e forro de cavalo do Japão. Ela está a venda na Self Edge e Speedway.

Lone Wolf

A Lone Wolf Boots é outra marca de reproduções que resgata os estilos clássicos dos bons e velhos tempos. A bota Carpenter é baseada em um estilo dos anos 30 que era fabricado por uma extinta fábrica norte americana, com direito a “franja” e tudo. A bota é feita com couro vegetal full grain em uma cor marrom maravilhosa. A sola dessa bota é de couro com uma meia sola da Cat’s Paw, uma famosa fabricante de sola das antigas. Esses componentes de borracha são deadstock, ou seja, aproveitamento de itens vintage que nunca foram usados. Elas podem ser compradas na History Preservation Associates.

Redwing

red wing lineman

Para uma bota com visual vintage incrível e preço um pouco mais acessível eu recomendo a Lineman, da Redwing. Sim, mais uma referência aos eletricistas. O site da Red Wing faz menção a história da popularidade dessa bota nos anos 40 e 50, a época em que o grid elétrico dos Estados Unidos foi ampliado, num esforço de levar energia elétrica para toda a população. Isso gerou demanda pelos “linemen”, eletricistas que trabalhavam na construção e manutenção das linhas. Não é um modelo tão fácil de encontrar… tem que ficar de olho pois teve lançamento limitado na Europa. Só encontrei na Redwing London.

White´s ou Wesco

whites bounty hunter

As botas Wesco e da White’s são feitas para loggers, linemans e fire fighters, lenhadores, eletricistas e bombeiros. Essas fábricas familiar vendem botas para trabalho mesmo. Botas peso pesado, com construção stitchdown e solas grossas. Encomende a sua bota diretamente pelo site da Wesco através do programa de customização ou escolha um dos modelos tradicionais. As botas da White’s também são extremamente customizáveis, com várias opções de forma que você pode misturar com estilos e detalhes até chegar na bota que quer. O site da White’s aceita pedidos por telefone mas é bem lento. A Baker’s é uma loja intermediária com algum estoque pronto e a opção de customização. Dois clássicos dessas marcas, que são a maior referência nesse estilo de bota são a Wesco Jobmaster e a White’s Smokejumper.

Black Boots

bota black boots killer canela

Entre as marcas nacionais a melhor opção de bota lace-to-toe é a Black Boots Killer. A Killer tem tem palmilha de montagem em couro, solado plataforma branco, todos os detalhes de uma bota tradicional mas uma forma relativamente estreita. Por isso é uma boa escolha para quem busca a referência ao clássico e ao mesmo tempo quer um produto adequado para utilizar no dia-a-dia. A Killer é mais sutil do que alguns modelos acima, que ficam deslocados em algumas situações e ao lado de roupas que fogem de algum tipo de estética retrô.

Inspirações para usar uma bota lace to toe

Essas botas bebem na fonte dos coturnos militares (muitas botas de paraquedista tinham este tipo de amarração) e em praticamente todas as profissões que inspiram o workwear. Elas também foram bastante usadas por motociclistas. Pensando nisso, é fácil usar…

Fotos: Clutch Magazine, Vintage Engineer Boots, 1Lrg

 

Você também pode gostar

Nenhum Comentário

    Deixe uma Resposta